Como fazer backup do WordPress

O backup é essencial para não perder o seu site WordPress e não pode ser ignorado. Entenda tudo sobre o backup do WordPress neste guia.

Após semanas e semanas de dedicação para o seu site WordPress, perdê-lo completamente não é sequer uma opção. No entanto, é possível que isso aconteça por causa de uma falha no sistema, hackers maliciosos e, até mesmo, um erro seu. Dessa forma, o backup do WordPress é o seu plano B para caso algo dê errado.

O backup nada mais é do que uma cópia completa de um site WordPress, incluindo banco de dados e arquivos. Tudo fica salvo em um lugar seguro para que você possa simplesmente restaurar o site se ocorrer algum problema.

Mesmo que pareça algo fácil, é preciso ter atenção e entender bem como o backup do WordPress deve ser feito para garantir que o seu plano B vai funcionar perfeitamente bem.

Veja também: Tudo por trás de um site WordPress

Importância de um backup

Em primeiro lugar, o backup evita a decepção de perder o seu site completamente. Por mais que todas as precauções sejam tomadas, é impossível ter toda a certeza de que nada vai acontecer. Então, o backup é ideal para que você não tenha que refazer o site e começar a criar o conteúdo do zero novamente.

Além de conter todo o estresse de perder um site, o backup também evita perder tempo e dinheiro. Se o site é institucional, uma loja ou tem anunciantes, cada minuto fora do ar significa um impacto direto na renda. Em adendo, ter que refazer o site demanda tempo e recursos que poderiam ser direcionados para outros projetos.

Um site quebrado influencia na percepção que o usuário tem do seu negócio. Se o cliente tenta acessar por algumas horas e não encontra o seu site, ele é desapontado e pode desistir da sua empresa e procurar o seu concorrente.

Por fim, fazer o seu próprio backup é essencial para não depender das empresas de hospedagem. Por mais que muitas ofereçam esse serviço, não existe qualquer garantia de que o backup engloba tudo que é necessário para uma possível restauração. Caso aconteçam problemas com a empresa de hospedagem, ter o backup facilita a migração para outra companhia.

Tipos de backup do WordPress

No WordPress, existem dois tipos de backup que devem ser feitos. São eles:

Backup banco de dados WordPress

O principal backup a ser feito é o do banco de dados, já que lá estão todas as informações do site. Desde temas e plugins ativos e inativos até posts, imagens e páginas, tudo fica no banco de dados.

Logo, o backup do banco de dados é o que permite restaurar seu site da forma que ele estava, incluindo os comentários e vínculos de imagens. Todos os dados ficam gravados em tabelas de um banco de dados MySQL, armazenado pela empresa de hospedagem.

Backup de arquivos WordPress

Embora seja mais fácil de ser feito, o backup de arquivos não deve ser deixado de lado. Como o nome já indica, esse backup consiste em copiar todos os arquivos do seu site, incluindo os arquivos do core do WordPress.

Assim, os arquivos de plugins, temas, imagens e páginas, entre todas as outras coisas são salvas, o que pode levar bastante tempo, mas é o que garante que o site vai continuar funcionando corretamente.

Plugins para backup do WordPress

É possível fazer backups via FTP ou no phpMyAdmin, mas a maneira mais prática definitivamente é por meio de plugins. Alguns dos mais utilizados são:

  • UpdraftPlus: permite fazer backups de banco de dados agendados ou manuais na nuvem;
  • BackWPup: plugin para backups de banco de dados e arquivos para formatos compactados ou serviços de nuvem;
  • Backup Guard: possibilita backup de banco de dados e arquivos agendados para o computador.

Leia mais: O que são plugins WordPress

Quando fazer o backup do WordPress

O ideal é sempre fazer backups periódicos de acordo com a frequência com que seu site sofre alterações. Se o seu site é atualizado semanalmente, fazer backups diários pode parecer exagero. Por outro lado, se o seu site é atualizado diariamente, um backup por semana dificilmente vai salvar a última versão do site.

Fora do período padrão, também é importante fazer backups antes de atualizar o WordPress ou de fazer grandes mudanças no site. Caso aconteça algum problema durante a alteração, é só restaurar o backup e nada vai ter mudado no site.

Além disso, o horário em que o backup vai ser realizado importa. O backup costuma exigir bastante do servidor, então é mais recomendado deixar programado para um horário em que o site recebe poucas visitas, geralmente durante a madrugada, para prevenir que o site fique fora do ar.

Como restaurar um backup do WordPress

Antes de restaurar um backup, é necessário criar um novo banco de dados no painel da hospedagem e importar o backup. Ao final dessa operação, o novo banco de dados já vai estar vinculado ao site WordPress.

Com isso feito, já é possível restaurar o backup. É preciso baixar os arquivos de instalação do WordPress e, em seguida, subir esses arquivos para a hospedagem. No WordPress, insira os dados do banco de dados criado na importação para ser instalado na nova conta e pronto, o backup foi restaurado.

Ficou com alguma dúvida? Conta pra gente nos comentários.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *